publicidade
cria

Polícia

Segurança

Justiça quer multar Google por não compartilhar dados sobre Marielle

Publicado em 12/10/2020

O compartilhamento dos dados no caso Marielle e Anderson chegou a ser analisado pelo Superior Tribunal de Justiça, no âmbito de um recurso do Google que pedia a anulação de decisões da Justiça fluminense que determinaram à empresa o fornecimento de IPs que efetuaram pesquisa no buscador com determinadas expressões nos dias que antecederam o assassinato de Marielle e Anderson

Ler matéria